Voracidade financeira fez com que Itaipu pagasse três vezes mais do que o custo inicial

Uma pesquisa realizada na Universidade de São Paulo em 2009 coincide com a análise efetuada pelo economista Jeffrey Sachs, quem sustenta que a Itaipu Binacional já cancelou seus passivos há anos.
Itaipu

Por Cristian Cantero. Última Hora, 17 de abril de 2013. Tradução livre.

A publicação do informe confidencial preparado pelo economista norte-americano Jeffrey Sachs para o governo paraguaio, no qual conclui que a dívida de Itaipu Binacional deveria ter sido cancelada em 1997, há 16 anos, voltou a trazer à mesa a origem da mesma.

Uma pesquisa realizada na Universidade de São Paulo em 2009 demonstrou com dados, documentos e informes da própria binacional que os credores converteram o passivo da entidade em um grande negócio financeiro, que terminou por aumentar em até três vezes o custo inicial do empreendimento, que era de US$ 12,2 bilhões.

O trabalho, que foi apresentado como tese de doutorado pelo físico paraguaio Victorio Oxilia Dávalos, demonstra que entre 1975 e 2006 foram captados recursos externos, através de diferentes entidades financeiras internacionais, em um montante de aproximados US$ 26,9 bilhões. Contudo, a maior parte desses fundos não foi destinada ao empreendimento, mas ao pagamento de juros e amortizações de outros empréstimos.

TRÊS VEZES MAIS. Segundo a pesquisa de Oxilia – quem atualmente trabalha como secretário executivo da Organização Latino-Americana de Energia (Olade) –, até 2006, as transferências para as entidades financeiras por parte da Itaipu Binacional totalizavam cerca de US$ 45,6 bilhões, o equivalente a três vezes os custos diretos da obra. A este montante deve-se somar, ainda, o que até o final daquele ano (2006) figurava como passivo da entidade, que beirava os US$ 20,22 bilhões.

Deste modo, para o final de 2023, quando a dívida projetada for totalmente cancelada, a Itaipu terá pagado mais de US$ 65,82 bilhões, ou seja, cinco vezes mais do que deveria custar inicialmente.

Outro aspecto que chama a atenção é o incremento sustentável que foi tendo a dívida da entidade, que, entre os anos 1997 e 2006, passou a ser quase o dobro, apesar de já transcorridos 15 anos desde a operação da represa com totalidade das unidades de geração, sem levar em conta as duas últimas unidades concluídas em 2007, o que implica, ademais, que a usina alcançou o nível máximo de faturamento.

ORÇAMENTO. O orçamento anual da Itaipu Binacional é de US$ 3,5 bilhões, dos quais cerca de 30% vão para os países como gastos de exploração e royalties, outros 10% mais para o Paraguai como compensação pela cessão da energia e os 60% restantes para pagar o sistema financeiro, neste caso, o Tesouro brasileiro, através da Eletrobrás, o principal credor.

Cada ano, o Tesouro do Brasil recebe da binacional aproximadamente US$ 2 bilhões, de acordo com esse cálculo. Em 2012, o pagamento foi de US$ 2.064.400.000 e, para 2013, estima-se um desembolso de US$ 2,061 bilhões, em decorrência do qual ficaria um saldo pendente de US$ 13.815.900.000, segundo a Direção Financeira da entidade.

SACHS TRAÇA NOVO TRATADO

O economista norte-americano Jeffrey Sachs, principal assessor económico das Nações Unidas, destaca em sua análise remetida ao governo paraguaio que, sob suposições financeiras razoáveis, já se pagou a totalidade da dívida de Itaipu através da cessão de energia ao Brasil ao longo de mais de 25 anos. Por conseguinte, as dívidas ainda pendentes nos livros devem ser canceladas por um novo tratado com o Brasil. Sachs, considerado um dos dez académicos mais influentes do mundo, refere que mesmo com as cifras absurdas com as quais se trabalhou ao longo dos anos, a totalidade dos passivos de Itaipu deveriam ter sido cancelados por completo em 2008.

Anúncios

Sobre paraguaiteete

O Núcleo Cultural Guarani “Paraguay Teete” nasceu em junho de 2009 em São Paulo, Brasil, da mão de admiradores da cultura guarani residentes nessa cidade para difundir a rica cultura da República do Paraguai. Dentre os principais objetivos do Núcleo, podemos destacar: 1. Gerar uma imagem diferente daquela que muitos brasileiros têm do país (como por exemplo, a ideia de que o Paraguai se reduz a Ciudad del Este) por meios de eventos culturais tais como apresentações de documentários, palestras, gastronomia, música e cursos. 2. Fortalecer a identidade cultural de paraguaios e descendentes residentes no Brasil por meio da difusão permanente da cultura e da língua Guarani. 3. Proporcionar espaços e contatos para os profissionais paraguaios das diferentes modalidades artísticas, dando-lhes a possibilidade de ter acesso ao rico circuito cultural brasileiro e, em contrapartida, oferecer a mesma oportunidade para brasileiros que queiram conhecer ou desfrutar da autêntica cultura paraguaia. 4. Defender a dignidade, a imagem e a história do Paraguai e dos seus descendentes perante situações discriminatórias, tratos pejorativos, piadas e chacotas que a mídia do Brasil vem produzindo constantemente. 5. Acionar a Polícia Federal contra criminoso que usam a internet para caluniar com comentários racistas que violem a Lei Nº 7.716/89: Art. 1° diz “Serão punidos, na forma desta Lei, os crimes resultantes de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”. Assim como o Art. 20° que diz “Praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”. El Núcleo en castellano: El Núcleo Cultural Guaraní "Paraguay Teete" nació en junio de 2009 en la ciudad de São Paulo, Brasil, de la mano de admiradores de la cultura guarani residentes en esta ciudad para difundir la rica cultura de la República del Paraguay. Entre los objetivos se encuentran: 1. Generar una imagen diferente de la que los brasileños tienen del país (entre otras ideas de que piensan que Paraguay se reduce a Ciudad del Este). 2. Fortalecer la identidad cultural del paraguayo y de sus desendientes residentes en el Brasil a través de la difusión permanente de la Cultura Guaraní resaltando siempre el idioma Guaraní. 3. Proporcionar espacios y contactos para los profesionales de las diferentes modalidades artísticas, dándoles la posibilidad de acceder al rico circuito cultural brasileño y a
Esse post foi publicado em Prensa / Imprensa e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s