Chegou a hora de “acertar as contas” de Itaipu

Fonte: ABC Color, 26 de abril de 2013. Tradução livre.

Chegou a hora de acertas as contas de Itaipu, contas que devem ser resolvidas com transparência após quarenta anos de “hermética gestão”, afirmou ontem o vice-presidente da Câmara de Anunciantes do Paraguai (CAP), Esteban Morábito, que também pediu às novas autoridades nacionais que abandonem a velha atitude pusilânime em defesa da soberania e dos altos interesses do país.

esteban-morabito_293_464_162722
Esteban Morábito / ABC Color

O dirigente empresarial manifestou que esse acerto de contas deve buscar conhecer quanto realmente custou a obra e como se aplicaram os recursos financeiros, tudo baseado no que dita o Tratado, que deu origem à hidrelétrica binacional, e em todos os seus anexos e acordos que estiveram vigentes ao longo de quatro décadas.

Acrescentou que é “muito importante” que os povos do Paraguai e do Brasil saibam realmente o que tem acontecido lá, levando em conta que o tema sempre foi dirigido com muito hermetismo, o que não conduziu à transparência. “Por outro lado, nós temos que começar a usar a energia para gerar mão de obra. Necessitamos dar trabalho a nossos compatriotas desempregados, inclusive a aqueles que estão voltando da Europa, para onde foram obrigados a ir por falta de oportunidades em nosso país”, destacou.

Advertiu que atualmente na Espanha a situação econômica não é nada alentadora e que está provocando um retorno importante de paraguaios, aos quais é necessário dar trabalho. “A energia é fundamental a qualquer atividade humana, principalmente para gerar fontes de trabalho, e nós que a temos limpa e renovável, teríamos que usar o que nos corresponde para melhorar o bem-estar dos paraguaios e diminuir, entre outras coisas, a delinquência e a criminalidade no Paraguai”, enfatizou.

Sobre o estudo realizado pelo economista norte-americano Jeffrey Sachs, que assegura que a dívida está saldada e que existe o temor de que a intenção do Brasil seja mantê-la, de alguma maneira, para permanecer “para sempre” com a condução da represa, Morábito indicou: “Por isso é hora de dar transparência a Itaipu. Ali, de muito servirão os estudos de Jeffrey Sachs, e a imprensa tem que insistir nesse ponto”.

Agregou que “está convencido” de que o novo governo nacional, através da Chancelaria, levará “a sério” este tema que diz respeito precisamente à nossa soberania e a nosso desenvolvimento e que é um dos “ativos estratégicos” mais importantes que tem o Paraguai. “E temos que cuidar dele de tal maneira que o façamos ser nosso”, enfatizou Morábito.

Pusilanimidade

Ao ser dito que com atitudes pusilânimes como a que teria dado a entender o presidente eleito, Horacio Cartes, não vamos conseguir nada, o empresário respondeu: “A atitude pusilânime não nos prejudica somente em Itaipu, mas também no Mercosul, ao qual não podemos voltar sobre condições anteriores, porque absolutamente não valeria a pena”.

Sobre o ponto, agregou que o Paraguai tem sido o único membro do Mercosul a aplicar “ao pé da letra” o Tratado de Assunção e todos os demais acordos adicionais, e que tudo isso o tem prejudicado seriamente.

Acrescentou que as circunstâncias clamam pela tomada de decisões firmes, mas “amigáveis”, não agressivas, que, sobretudo, façam ser respeitada a soberania paraguaia. “Do meu ponto de vista, o Paraguai foi excluído injustamente (do Mercosul), o que tem confirmado, de certa forma, o presidente (uruguaio, José) Mujica, quando disse que no Mercosul o político está por cima da lei. Isso é uma barbaridade, porque a única garantia que têm esses pequenos países como Uruguai e Paraguai é a lei. Assim, se o político primará sobre o jurídico, estamos, então, realmente entregues”.

Anúncios

Sobre paraguaiteete

O Núcleo Cultural Guarani “Paraguay Teete” nasceu em junho de 2009 em São Paulo, Brasil, da mão de admiradores da cultura guarani residentes nessa cidade para difundir a rica cultura da República do Paraguai. Dentre os principais objetivos do Núcleo, podemos destacar: 1. Gerar uma imagem diferente daquela que muitos brasileiros têm do país (como por exemplo, a ideia de que o Paraguai se reduz a Ciudad del Este) por meios de eventos culturais tais como apresentações de documentários, palestras, gastronomia, música e cursos. 2. Fortalecer a identidade cultural de paraguaios e descendentes residentes no Brasil por meio da difusão permanente da cultura e da língua Guarani. 3. Proporcionar espaços e contatos para os profissionais paraguaios das diferentes modalidades artísticas, dando-lhes a possibilidade de ter acesso ao rico circuito cultural brasileiro e, em contrapartida, oferecer a mesma oportunidade para brasileiros que queiram conhecer ou desfrutar da autêntica cultura paraguaia. 4. Defender a dignidade, a imagem e a história do Paraguai e dos seus descendentes perante situações discriminatórias, tratos pejorativos, piadas e chacotas que a mídia do Brasil vem produzindo constantemente. 5. Acionar a Polícia Federal contra criminoso que usam a internet para caluniar com comentários racistas que violem a Lei Nº 7.716/89: Art. 1° diz “Serão punidos, na forma desta Lei, os crimes resultantes de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”. Assim como o Art. 20° que diz “Praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”. El Núcleo en castellano: El Núcleo Cultural Guaraní "Paraguay Teete" nació en junio de 2009 en la ciudad de São Paulo, Brasil, de la mano de admiradores de la cultura guarani residentes en esta ciudad para difundir la rica cultura de la República del Paraguay. Entre los objetivos se encuentran: 1. Generar una imagen diferente de la que los brasileños tienen del país (entre otras ideas de que piensan que Paraguay se reduce a Ciudad del Este). 2. Fortalecer la identidad cultural del paraguayo y de sus desendientes residentes en el Brasil a través de la difusión permanente de la Cultura Guaraní resaltando siempre el idioma Guaraní. 3. Proporcionar espacios y contactos para los profesionales de las diferentes modalidades artísticas, dándoles la posibilidad de acceder al rico circuito cultural brasileño y a
Esse post foi publicado em Prensa / Imprensa e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s