Memória vestida de “Esperança”

Jorge Coronel, ABC Color, 08 de novembro de 2013.
Tradução livre

O compromisso artístico nos tempos da ditadura de Alfredo Stroessner é o tema central de “Esperanza” (ou “Esperança”, em português), filme documentário dos cineastas franceses Enrique Carbadillo e Sylvie Moreaux.

Esperança
Fotograma do documentário “Esperança”. / ABC Color

Trinta e sete artistas compartilham seus testemunhos de vida e suas vozes em “Esperança”, um filme documentário dos franceses Enrique Carbadillo e Sylvie Moreaux que expõe a experiência desses artistas nos tempos da ditadura do tirano Stroessner.

Figuras de distintas expressões artísticas ou de comunicação, como Carlos Colombino, Olga Blinder, José Luis Ardissone, Martín Almada, César Cataldo, Nicodemus Espinosa, Joel Filártiga, Ricardo Flecha, Galia Giménez, Alcibíades González Delvalle, Félix de Guarania, Hermann Guggiari, Ricardo Migliorisi, Agustín Núñez e Humberto Rubín, testemunham, a partir de suas experiências, a luta pela liberdade naqueles tempos difíceis.
O cineasta francês Enrique Carbadillo, codiretor do filme ao lado de Sylvie Moreaux, descobriu a história do Paraguai através de “Hamaca Paraguaya” (“Rede Paraguaia”), o premiado filme de Paz Encina. “Desde lá começamos a buscar a história, a investigar sobre a história deste país, que não é muito conhecida na França, e dissemos: por que o silêncio?”, indagou Carbadillo. Foi assim que começou a se desenvolver a ideia, tendo contato com artistas paraguaios, em uma visita ao nosso país.

Durante as entrevistas, os realizadores descobriram uma riqueza que hoje se projeta pelo filme que, nesta sexta-feira (8 de novembro de 2013), estreia nos cinemas de Villamorra Cinecenter. “Descobrimos uma história absolutamente incrível, uma luta dos artistas que se enfrentavam diretamente com o poder”.
O cineasta destaca que o mais importante do papel desses artistas é que utilizaram sua arte para dizer ao povo que “o caminho não termina aqui; o caminho segue e vamos seguir com uma canção, com um livro, com uma pintura. É um lindo reconhecimento de arte dos artistas que fizeram isso em uma época tão dura, tão difícil, tão terrível”.

A elaboração do roteiro final não foi tarefa simples: cerca de 120 horas de gravação tiveram que ser analisadas para se concluir o projeto, sete anos depois da rodagem, lá por 2006. “Foram exatamente sete anos de trabalho. Quando vimos as 120 horas, tomei um tempo muito longo, porque ver 120 horas de uma paisagem é uma coisa, ver 120 horas de uma emoção pura, assim… você não pode ver por mais de uma hora. Não se parece com nada”, assegura.
Foi aí que Sylvie Moreaux teve a missão de selecionar o material durante um ano e meio, para escrever uma segunda história (a final), produzida em nosso país por Gabriela Sabaté (“Hamaca Paraguaya”, “Lectura según Justino”).

O resultado? Um documentário que revisita as duras páginas da ditadura stronista, desta vez, a partir da voz dos artistas. “Não imaginava que podia ser uma coisa tão forte, com tanta emoção, e estou muito feliz”, indica o diretor. “Francamente, espero que o público possa vir (ao cinema), é um dever agora, para nós, transmitir esse filme e a palavra dos artistas paraguaios em todo o mundo. Hoje, para mim, os heróis são os artistas”.

Trailer de “Esperanza”:

Fonte: http://www.abc.com.py/especiales/fin-de-semana/la-memoria-vestida-de-esperanza-637182.html

Anúncios

Sobre paraguaiteete

O Núcleo Cultural Guarani “Paraguay Teete” nasceu em junho de 2009 em São Paulo, Brasil, da mão de admiradores da cultura guarani residentes nessa cidade para difundir a rica cultura da República do Paraguai. Dentre os principais objetivos do Núcleo, podemos destacar: 1. Gerar uma imagem diferente daquela que muitos brasileiros têm do país (como por exemplo, a ideia de que o Paraguai se reduz a Ciudad del Este) por meios de eventos culturais tais como apresentações de documentários, palestras, gastronomia, música e cursos. 2. Fortalecer a identidade cultural de paraguaios e descendentes residentes no Brasil por meio da difusão permanente da cultura e da língua Guarani. 3. Proporcionar espaços e contatos para os profissionais paraguaios das diferentes modalidades artísticas, dando-lhes a possibilidade de ter acesso ao rico circuito cultural brasileiro e, em contrapartida, oferecer a mesma oportunidade para brasileiros que queiram conhecer ou desfrutar da autêntica cultura paraguaia. 4. Defender a dignidade, a imagem e a história do Paraguai e dos seus descendentes perante situações discriminatórias, tratos pejorativos, piadas e chacotas que a mídia do Brasil vem produzindo constantemente. 5. Acionar a Polícia Federal contra criminoso que usam a internet para caluniar com comentários racistas que violem a Lei Nº 7.716/89: Art. 1° diz “Serão punidos, na forma desta Lei, os crimes resultantes de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”. Assim como o Art. 20° que diz “Praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”. El Núcleo en castellano: El Núcleo Cultural Guaraní "Paraguay Teete" nació en junio de 2009 en la ciudad de São Paulo, Brasil, de la mano de admiradores de la cultura guarani residentes en esta ciudad para difundir la rica cultura de la República del Paraguay. Entre los objetivos se encuentran: 1. Generar una imagen diferente de la que los brasileños tienen del país (entre otras ideas de que piensan que Paraguay se reduce a Ciudad del Este). 2. Fortalecer la identidad cultural del paraguayo y de sus desendientes residentes en el Brasil a través de la difusión permanente de la Cultura Guaraní resaltando siempre el idioma Guaraní. 3. Proporcionar espacios y contactos para los profesionales de las diferentes modalidades artísticas, dándoles la posibilidad de acceder al rico circuito cultural brasileño y a
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s