“O guarani está se consagrando como algo identitário do Paraguai”

Cristian David López recebe hoje o I Prêmio Internacional de Poesia Jovellanos, por sua obra “Sy” (Mãe), escrita na língua oficial de seu país.

Fonte: Jessica M. Puga, El Comercio (Espanha), 11 de junho de 2014. Tradução livre.
Link: http://www.elcomercio.es/culturas/libros/201406/11/guarani-esta-consagrandose-como-20140611005010-v.html?ns_campaign=WC_MS&ns_source=BT&ns_linkname=Scroll&ns_fee=0&ns_mchannel=FB

cristian david 02.jpg
Cristian David López, ontem, em Oviedo. / ÁLEX PIÑA

Cristian David López goza de uma curta, porém frutífera, trajetória no mundo das letras. Com 27 anos, este jovem escritor paraguaio e residente em Oviedo tem em suas conquistas o I Prêmio Internacional de Poesia Jovellanos, por sua obra “Sy” (Mãe). Esta tarde (19 horas), ele receberá o galardão no Museu Casa Natal de Jovellanos de Gijón.

Faz um mês que seu nome se tornou o ganhador do I Prêmio de Poesia Jovellanos. O que isso lhe trouxe?
Como escritor, é o melhor que já me aconteceu na vida. Te ajuda a entender que você vai melhorando e te convida a seguir estudando para melhorar e poder fazer mais. Também animicamente dá benefícios. Ademais, ser o primeiro tem um toque especial, ser o primeiro fica para a história.

Você se aventurou a participar com um texto escrito em guarani, língua oficial no Paraguai. Como é o tratamento do idioma lá?
No Paraguai, mais de 80% da população fala em guarani, sobretudo em casa e nos povoados ou cidades pequenas. Desde 1992, é língua oficial junto com o espanhol, e convivem bem, ambas são ensinadas na escola. Eu, por exemplo, posso saudar meus amigos em guarani e, logo, seguir falando em uma ou outra língua indistintamente. Creio que, agora, o guarani está se valorizando mais como parte da própria identidade do país, e nota-se que cada vez há mais textos em guarani e que as pessoas vão perdendo a vergonha de utilizá-lo.

E quando você chegou à Espanha, optou por defendê-la [a língua guarani] ou sempre foi partidário dela?
Agora estudo linguística e tenho visto que o guarani é uma língua muito flexível e rica, e que tem muitos escritos. No Paraguai, ela tem sua própria gramática e ortografia, além de ser a primeira língua pré-hispânica com academia própria. Em 2012, traduzi “Cantos Guaranis”, uma experiência enriquecedora, que serviu para me cativar e querer fazer mais.

Por que apresentar este texto e não outro?
Eu o havia escrito para o dia das mães, que no Paraguai é em 15 de maio, mas o tinha guardado por mais de um ano. Gostei pelo tema, porque é um pouco mais universal. Joguei com o picaresco de apresentá-lo em guarani, um idioma pouco conhecido, e em espanhol.

É um presente para as mães.
Sim, poderia ser. Ela é a que nos dá tudo: dá a vida. É a primeira professora e a que está conosco nos primeiros anos.

Quando nasce sua afeição pela escrita?
Sempre sonhei em escrever, mas a oportunidade apareceu na Espanha, pois no Paraguai não há oportunidades. Na escola, não tínhamos livros, recordo que só o professor os tinha, e os alunos só olhavam para a lousa. Não havia bibliotecas. Quando cheguei a Oviedo em 2008, vi as bibliotecas maravilhosas e que Astúrias é um paraíso cultural. No Paraguai, as pessoas não podem ler, porque os livros são muito caros e, como é lógico, pensam primeiro em comer do que ler.

Como receberam seu prêmio em seu país?
Estão muito orgulhosos e felizes por mim, claro, porque veem que consegui algo importante. Sou como seu representante.

E você optou pelo Prêmio Jovellanos. Conhecia sua obra?
A conheci quando cheguei à Espanha. Me encantam seus estudos da língua asturiana, do comportamento social das pessoas e sua paixão por impulsionar a educação.

Anúncios

Sobre paraguaiteete

O Núcleo Cultural Guarani “Paraguay Teete” nasceu em junho de 2009 em São Paulo, Brasil, da mão de admiradores da cultura guarani residentes nessa cidade para difundir a rica cultura da República do Paraguai. Dentre os principais objetivos do Núcleo, podemos destacar: 1. Gerar uma imagem diferente daquela que muitos brasileiros têm do país (como por exemplo, a ideia de que o Paraguai se reduz a Ciudad del Este) por meios de eventos culturais tais como apresentações de documentários, palestras, gastronomia, música e cursos. 2. Fortalecer a identidade cultural de paraguaios e descendentes residentes no Brasil por meio da difusão permanente da cultura e da língua Guarani. 3. Proporcionar espaços e contatos para os profissionais paraguaios das diferentes modalidades artísticas, dando-lhes a possibilidade de ter acesso ao rico circuito cultural brasileiro e, em contrapartida, oferecer a mesma oportunidade para brasileiros que queiram conhecer ou desfrutar da autêntica cultura paraguaia. 4. Defender a dignidade, a imagem e a história do Paraguai e dos seus descendentes perante situações discriminatórias, tratos pejorativos, piadas e chacotas que a mídia do Brasil vem produzindo constantemente. 5. Acionar a Polícia Federal contra criminoso que usam a internet para caluniar com comentários racistas que violem a Lei Nº 7.716/89: Art. 1° diz “Serão punidos, na forma desta Lei, os crimes resultantes de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”. Assim como o Art. 20° que diz “Praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”. El Núcleo en castellano: El Núcleo Cultural Guaraní "Paraguay Teete" nació en junio de 2009 en la ciudad de São Paulo, Brasil, de la mano de admiradores de la cultura guarani residentes en esta ciudad para difundir la rica cultura de la República del Paraguay. Entre los objetivos se encuentran: 1. Generar una imagen diferente de la que los brasileños tienen del país (entre otras ideas de que piensan que Paraguay se reduce a Ciudad del Este). 2. Fortalecer la identidad cultural del paraguayo y de sus desendientes residentes en el Brasil a través de la difusión permanente de la Cultura Guaraní resaltando siempre el idioma Guaraní. 3. Proporcionar espacios y contactos para los profesionales de las diferentes modalidades artísticas, dándoles la posibilidad de acceder al rico circuito cultural brasileño y a
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s