Clássico ‘Cerro Corá’ está na Mostra de Cinema Paraguaio

CerroC

O nome da primeira mostra no Brasil dedicada exclusivamente ao cinema paraguaio não poderia ser melhor: Made in Paraguai – Mostra de Cinema Paraguaio, que começou nesta quinta-feira, 11, e segue até a próxima quarta, 17, no Cine Caixa Belas Artes, com curadoria do cineasta brasileiro Marcelo Engster e do diretor e produtor paraguaio Carlos Cáceres.

Ao fazer humor com os próprios clichês que rondam o país vizinho e ao mesmo tão distante dos brasileiros, os organizadores da mostra traduzem com propriedade uma das grandes qualidades do povo paraguaio, o bom humor e a capacidade de rir de suas próprias agruras. “A primeira reação das pessoas quando falamos que estamos realizando uma mostra de cinema do Paraguai é dar risada e perguntar se existe. E respondo que não só existe como há muito filme bom. As pessoas vão se surpreender”, conta uma das organizadoras, Letícia Friedrich, da Boulevard Filmes.

De fato

 Apesar de estar ainda buscando seu espaço em um cenário latino e mundial competitivo, o Paraguai vem conquistando espaço nos festivais e nas salas de cinema mundiais. Um dos 11 longas que chegam para a mostra é Sete Caixas Paraguaias, de Juan Carlos Maneglia e Tana Schémbori . Premiado em festivais internacionais, o longa foi o mais visto da história do Paraguai, batendo blockbusters como Titanic.

Na segunda-feira, 15, às 19h50, a atriz Lali Gonzáles, que pelo papel foi indicado para o Goya, o ‘Oscar do cinema em língua espanhola’, conversa com o público sobre seu trabalho no filme.

Sete Caixas, aliás, é um dos símbolos do modo criativo que os cineastas paraguaios estão encontrando para viabilizar seus filmes em um país que não conta com leis de incentivo e forte política pública de apoio ao cinema. “Sempre quis fazer cinema, mas acabei na publicidade. Enquanto isso, fui escrevendo o roteiro e correndo atrás de empresas que quisessem investir no projeto”, contou Maneglia ao jornal O Estado de S.Paulo.

Destaque também para a sessão de curtas seguida de debate com Carlos Cáceres, domingo, às 19h10. Em pauta, a importância dos curtas para a identidade cinematográfica do país, que, muito pela dificuldade de produção fez bom uso do formato para narrar histórias marcantes. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo. 

Fonte: https://br.noticias.yahoo.com/cl%C3%A1ssico-cerro-cor%C3%A1-est%C3%A1-mostra-cinema-paraguaio-124500577.html

Anúncios

Sobre paraguaiteete

O Núcleo Cultural Guarani “Paraguay Teete” nasceu em junho de 2009 em São Paulo, Brasil, da mão de admiradores da cultura guarani residentes nessa cidade para difundir a rica cultura da República do Paraguai. Dentre os principais objetivos do Núcleo, podemos destacar: 1. Gerar uma imagem diferente daquela que muitos brasileiros têm do país (como por exemplo, a ideia de que o Paraguai se reduz a Ciudad del Este) por meios de eventos culturais tais como apresentações de documentários, palestras, gastronomia, música e cursos. 2. Fortalecer a identidade cultural de paraguaios e descendentes residentes no Brasil por meio da difusão permanente da cultura e da língua Guarani. 3. Proporcionar espaços e contatos para os profissionais paraguaios das diferentes modalidades artísticas, dando-lhes a possibilidade de ter acesso ao rico circuito cultural brasileiro e, em contrapartida, oferecer a mesma oportunidade para brasileiros que queiram conhecer ou desfrutar da autêntica cultura paraguaia. 4. Defender a dignidade, a imagem e a história do Paraguai e dos seus descendentes perante situações discriminatórias, tratos pejorativos, piadas e chacotas que a mídia do Brasil vem produzindo constantemente. 5. Acionar a Polícia Federal contra criminoso que usam a internet para caluniar com comentários racistas que violem a Lei Nº 7.716/89: Art. 1° diz “Serão punidos, na forma desta Lei, os crimes resultantes de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”. Assim como o Art. 20° que diz “Praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”. El Núcleo en castellano: El Núcleo Cultural Guaraní "Paraguay Teete" nació en junio de 2009 en la ciudad de São Paulo, Brasil, de la mano de admiradores de la cultura guarani residentes en esta ciudad para difundir la rica cultura de la República del Paraguay. Entre los objetivos se encuentran: 1. Generar una imagen diferente de la que los brasileños tienen del país (entre otras ideas de que piensan que Paraguay se reduce a Ciudad del Este). 2. Fortalecer la identidad cultural del paraguayo y de sus desendientes residentes en el Brasil a través de la difusión permanente de la Cultura Guaraní resaltando siempre el idioma Guaraní. 3. Proporcionar espacios y contactos para los profesionales de las diferentes modalidades artísticas, dándoles la posibilidad de acceder al rico circuito cultural brasileño y a
Esse post foi publicado em Cultura, Prensa / Imprensa e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s