Cartas

O Núcleo Cultural Guarani “Paraguay Teete” se manifesta regularmente perante os meios de comunicação, empresas, sites, etc que ofenden ao Paraguay em todos os sentidos. Com o objetivo de documentar estes fatos e a reação de nosso grupo perante as ofensas, publicar neste espaço todas as cartas submetidas.

Para acessar o listado completo,  clique AQUI.

– Carta para Rodrigo Herrera e editores do Yahoo! Esportes sobre a matéria “10 maiores cavalos paraguaios do Brasileirão por pontos corridos”, de 19 de junho de 2017: Carta aberta a Rodrigo Herrero e editorxs do sitio eletrônico Yahoo [P. Teete, Jun. 2017]

– Carta para Jornal Extra de Rio de Janeiro da Rede Globo: Rooney provoca, e chama o Arsenal de cavalo paraguaio: Carta JORNAL EXTRA Cavalo Paraguaio

– Carta para SPTV, Gloria Vanique, Rede Globo: Carta a Ali Kamel [SPTV]

– Carta para Milton Neves, Rede Bandeirantes: Carta Milton Neves CAVALO PARAGUAIO

– Carta para Daniel Filho, LEREBY PRODUÇÕES: texto_blog as brasileiras 

– Carta para programa AS BRASILEIRAS da Rede Globo texto_blog as brasileiras

– Carta para programa MEGA SENHA,conducido por Marcelo de Carvalho CARTA MEGA SENHA REDETV

Carta para Henrique Nunes do CORREIO POPULAR  de CAMPINAS em protesta a sua materia: UM SONHO PARAGUAIO CORREIO POPULAR

Carta de protesta a Mídia News pela noticia: “Made in Paraguai”

CARTA CERP MIDIA NEWS

– Carta para Senador Demóstenes Torres:  Da guarânia à chipa

CARTA SENADOR DEMOSTENES TORRES

– Carta de jornalistas, profissionais liberais e empresários do Estado de Mato Grosso do Sul sobre o caso de Luciana do Paraguai: Carta para REDETV SUPERPOP

– Carta para Andre Hernán da SPORTV: Carta oficial SPORTV ANDRE HERNAN

– Carta ParanáOnline: Carta Leryn Franco ParanaOnline

– Carta para FERNANDO ALMEIDA E RODRIGO LIMA do O Tempo, Minas Gerais: Carta para FERNANDO ALMEIDA E RODRIGO LIMA O Tempo

28 respostas para Cartas

  1. RAMONA LEMOS RICARDO ANTUNES disse:

    Sou paraguaia e resido no Brasil há dez anos, em Porto Alegre, RS, já sofri preconceito com relação a minha terra natal, aliás sofro até hoje na escola onde estudo, somos alvo de brincadeiras de mal gosto, mas por gente inculta e desinformada, por isso fico muito feliz por conhecer esse trabalho, que incentiva as pessoas a conhecerem o “paraguaiteete”, terra que está ainda desolada, sofrida e desprezada, mas sei que já iniciou o tempo da restauração da minha terra, já vi isso este ano, estradas, pontes e casas sendo construidas, nossos idosos recebendo beneficíos, os agricultores sendo ajudados, como meu pai e minha mãe por exemplo, ele recebeu curso de leitaria, minha mãe aprendeu fazer sabão, são simples exemplos, mas grandes sinais de que meu paraguai amado está andando, e para frente, depois de muito tempo de regresso.
    Meu recado é trabalhem , amem a terra, e creiam em Deus que o tempo de paz e prosperidade é hoje, agora.
    CHE AHAYHU PARAGUAY.
    ÑANDEJARA TOHOVASA PARAGUAY

    RAMONA LEMOS ANTUNES

  2. Rosalía López disse:

    Queridos, estoy muy feliz de encontralos.
    Mi lucha para que conozcan el Paraguay es diaria y soy bendecida porque tengo la ayuda de mi arte ” EL ARPA”.
    Les espero en mi concierto el dia 8 de mayo en el MAM de RJ, estaré participando del festival internacional de harpas de RJ, a las 11:30 hs.
    Abrazos

    Rosalía López
    Arpista Paraguaya
    residente en RJ

  3. Rolando Alberto Grange Fleitas disse:

    Felicitaciones por el trabajo, espero que no bajen los brazos. Nuestros descendientes lo agradeceran. Vivo en brasil hace 8 años y me duele oir esos comentarios prejuiciosos. He divulgado el enlace en Facebook para que otros paraguayos conozcan este importante trabajo.

    • paraguaiteete disse:

      Excelente Rolando!! muchas gracias por el apoyo. Hacemos y seguiremos haciendo todo lo posible para seguir luchando contra este injusto y deprorable trato que recibimos
      en el Brasil. Te voy a agregar a la lista de mails que enviamos sobre eventos relacionados a Paraguay. No te pierdas, mantené el contacto. Saludos, Núcleo.

  4. Joel - PT9ADI disse:

    Mi gustaria que los amigos qui tienem repecho pelas culturas Guarany e bem como a todas etnias acessem nustro blog, temos divulgado bastante as culturas fronteiristas.

  5. Ada disse:

    Miren lo que hicieron de nuestra música LA GALOPERA!, despues dicen que nosotros somos los falsificadores.

  6. Rodrigo Ramoa disse:

    Algo tan auténtico como la sopa paraguaya, miren lo que escribió un congresista brasileño…

  7. paraguaiteete disse:

    Buen dia Rodrigo! enviamos una carta al Senador Demóstenes y pedimos que su esposa, la que tituló: Receita da sopa pirata (epa, paraguaia!) modifique el titular. Muchas gracias a vos por entrar en contacto y participar.

  8. Florentin Vera ( TINTIN) disse:

  9. Joel disse:

    A Câmara de Vereadores de Dourados promoveu na sexta-feira (11) uma sessão solene para homenagear o Dia do Povo Paraguaio, comemorado nesta segunda-feira (14) em todo o Mato Grosso do Sul. O objetivo, segundo o vereador Elias Ishy (PT), que propôs a homenagem, é celebrar a interação cultural existente entre brasileiros e paraguaios, sobretudo no Estado.

    “Estamos num momento bastante positivo na relação entre os países da América Latina, especialmente com o Paraguai”, afirmou Ishy ao fazer uso da tribuna. “A população de Dourados é constituída por uma imensa riqueza de diversidade cultural, principalmente por termos essa interação, porque onde tem o povo paraguaio tem alegria, tem vida”, ponderou.

    A sessão solene proposta por Ishy contou com a presença da consulesa do Paraguai em Campo Grande, Elisa Aguayo, e teve homenagens a 17 membros da colônia paraguaia no município (Adenir Cardoso Antunes, Aleixo Fróes, Delcia Rodrigues Saldivar, Elisa Cristaldo Ghiraldelli, Estevão Ojeda, Eunice Benites Ortiz, José Aguileo Sanabria, Julio Benites Silva, Luciano Ortiz Medeiros, Margarida Ximenes, Maria Célia Aguilera Pedroso, Maria Gaudiozo, Maria Leonor Ovando Morel, Maria Primitiva Ramos Chimenez, Ramão Espinosa, Sipriana Roberti de Perez e Vicenta Irene Cantero).

    Para José Aguileo Sanabria, que falou em nome dos demais homenageados, o evento realizado no Legislativo douradense comprova o valor das relações entre os dois países vizinhos. “Isso aqui demonstra o quanto é importante o nosso povo para o desenvolvimento de nosso Estado e país”, afirmou. “Hoje, essas tradições estão enraizadas em nossa cultura fronteiriça. É muito importante essa miscigenação de cultura, porque a gente se sente em casa”.

    Dados da Colônia Paraguaia indicam que ao menos 50 mil moradores de Dourados têm origem no país vizinho. Em todo o Estado, esse número salta para 300 mil. O vice-presidente da colônia, Elizeu Cristaldo, comemorou a celebração em homenagem ao dia do povo paraguaio. “Nós da colônia paraguaia não poderíamos deixar essa data passar em branco”, avalia. “Temos que homenagear todos os paraguaios que se sacrificaram nos ervais e valorizá-los pelo trabalho e pelo sofrimento que tanto contribuíram para o desenvolvimento desta terra”.

    O Dia do Povo Paraguaio é celebrado hoje em todo o Mato Grosso do Sul. A data foi instituída por meio da Lei Estadual nº 2.235, de 29 de maio de 2001. Ela coincide, propositalmente, com a comemoração da independência do Paraguai, ocorrida em 1811.

  10. orlando carvalho filho disse:

    Sou médico no Brasil, divisa com o Paraguay, neto , com orgulho de uma paraguaia linda, porãytê, ´não sei se é assim que se fala. Gostaria muito de aprender o guarani, em virtude da minha paixão pelo Paraguay, suas guaranias e polcas romanticas que falam de amor como não se ouve mais , aqui pela fronteira… Meu e-mail é dr.orlandocarvalhof@hotmail.com , gostaria de aprender o guarany, de me inscrever no curso de guarani. Grato

  11. Me gustaria participar de las actividades de la Comunidad Paraguaya de Campinas. Soy brasileño, es decir, brasiguayo; viví más de un año en Asunción y me encanta el país, la gente y su cultura. Soy maestro de español y portugués. Hay la posibilidad de hacer parte de las actividades? Espero respuesta.
    Att.
    Profe. LAUDEMIR MERLINI

  12. paraguaiteete disse:

    Hola a todos! invitamos a unirse a nuestra cuenta en FB: http://www.facebook.com/paraguay.teete

  13. Gabriel disse:

    Hola! gostaria que entrasses em contato conosco através do email blogdoteras@gmail.com
    Gracias

  14. Hola ! Soy brasileño (brasiguayo) Necesito urgente professor (a) de Lengua Guaraní, pues volveré a vivir en Asunción en 2016. Soy profesor de español y portugués y vivir en Paraguay sin saber guaraní fue algo complicado para mí. Pretendo hacer curso o pagar por clases / hora. CONTACTO : (19) 99347-3801 Profe. LAUDEMIR
    Gracias por la atención.

  15. edson disse:

    ola solo quiero saber donde encontrarle a los paraguayos residentes en campinas sp… por favor si me pueden decir les agradeceria mucho

  16. paraguaiteete disse:

    Edson, email de Fernando arpista paraguayo: Fernando Benerando Diaz Gaona (diaz_gaona@hotmail.com)

  17. jose amadeu ferreira da silva disse:

    Ola, sou Advogado criminalista ,defedendo alguns Paraguaios presos em Itaí SP, estou a disposição da Comunidadeem ajuda-los.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s